terça-feira, 11 de julho de 2017

A pedra das Bruxas

A TURMALINA NEGRA é uma pedra poderosíssima e é também conhecida como A PEDRA DAS BRUXAS
Como Usar A PEDRA DA BRUXAS 
Espalhe Turmalina Negra pela casa e ande sempre com uma na forma de pingente, anel ou na bolsa, pois ela absorve toda energia negativa e nos abre as portas da prosperidade. É conhecida como PEDRA DAS BRUXAS pois não vivemos sem ela. Além disso ela ajuda na cura do medo irracional e pânico.
Se seu computador fica no quarto, deixe uma Turmalina Negra do lado pois limpará as energias nocivas. Pode ser usada em anel, pulseira ou colar. 
Obs: 
Como sempre, como com qualquer pedra ou cristal não deixe de limpa-la e depois energiza-la

sexta-feira, 7 de julho de 2017

A magia do Olhos

O olho é considerado o órgão primário da percepção sensorial.Ele é intimamente associado a luz,ao espírito e ao sol.
O olho simboliza percepção espiritual e mental e é reconhecido como o espelho da alma.
O olho direito é associado a atividade,ao futuro e ao sol.O olho esquerdo,á passividade,ao passado e á lua.Em alguma culturas e religiões(como budismo ,por exemplo),é visualizado em terceiro olho no meio da testa,bem acima do nariz,considerado um símbolo de visão interior e de poder.
Na magia ,os olhos heterotópicos são aqueles anatomicamente transferido para várias partes do corpo ,como as mãos,o dorso,os braços e diferentes partes da cabeça .Esses olhos são os equivalentes da visão espiritual ou clarividência.Quando os olhos estão situados nas mãos,significa que o indivíduo tem grandes poderes de clarividência.
O símbolo de olho mais usado em magia é o de Hórus. no antigo Egito, o olho direito de Hórus,o deus do céu,era seu olho solar,e o olho esquerdo era seu udjat,ou olho da lua .O udjat simboliza o poder da luz é um dos amuletos mais sagrados e poderoso da magia egípcia. Hórus perdeu um dos seus olhos na batalha contra o Deus da destruição, Seth, que havia matado o seu pai, Osíres.
Dependendo do seu uso e da simbologia inerente,o olho pode representar as forças do bem e do mal como o único olho de um  Deus ou o poder destrutivo dos ciclopes.


quarta-feira, 5 de julho de 2017

As Deusas Crones

A Deusa Crone - ou Mãe da Escuridão - é o último aspecto da Deusa Tripla, junto com a mãe e a donzela, que representam partes do ciclo da vida. Na sociedade atual, onde adoramos juventude e beleza, esse aspecto da Deusa é o mais assustador e incompreendido dos três, já que representa nossa destruição, decadência e morte. Sociedades tradicionais, no entanto, veem a morte como parte de um ciclo. Como na natureza, a "morte" de inverno é seguida pelo "renascimento" da Primavera. 

, A mulher/Deusa Crone é descrita como avó, mulher sábia ou parteira. Ela é a guardiã da sabedoria, vidente e curandeira, cujo conhecimento é procurado para orientar as outras pessoas nas transições e dificuldades da vida.

Infelizmente, na Idade Média ela tornou-se uma Bruxa Malvada - no arquétipo de nossos contos de fadas. Seu conhecimento e sabedoria foram perseguidos pela Igreja. Sua cor é preta e Crone está associada com a Lua Minguante ou Nova, e o Outono e o Inverno. 

Trabalhando com a Deusa Crone

As Deusas Crone são maravilhosas para convocar e ajudar a lidar com a menopausa, a mudança ou a enfrentar a sua própria mortalidade. Ela lembra os ciclos da vida, se você estiver enfrentando uma perda. Chamar essas deusas ajudar a enfrentar medos profundos. Apesar de adotarem muitas vezes formas ferozes na aparência, as imagens das deusas oferecem grande sabedoria para aqueles que estiverem dispostos a olhar para seus rostos.

Elas encorajam cada um de nós a ser selvagem e livre, mostrando a força e a coragem que existe dentro de todos                                                                                                                                                                        Aqui uma lista das Deusas Crones


Deusas Crone de A a Z

. Ala (nigeriana): Os espíritos dos mortos encontram a paz em seu ventre.
. Ama Nao Uzumi (japonesa): A Deusa ancestral do Xintoísmo, da longevidade, da proteção e das habilidades psíquicas.
. Asase Yaa (africana): Representa o ventre da terra, de quem todos nós estamos nascendo e para onde voltaremos após a nossa morte.
. Annis (celta): Mulher velha assustadora, guardiã da sabedoria e dos velhos hábitos.
. Badb (irlandesa): A forma inconstante da deusa guerreira simboliza os ciclos da vida e da morte, a sabedoria e a inspiração.
. Baubo (grega): A Deusa picante usa a sexualidade feminina e o riso para levantar um sorriso de Deméter.
. Baba Yaga (russa): Na mitologia eslava, é a mulher selvagem, de idade, a bruxa e amante da magia.
. Ceridwen (celta): A Guardiã do Caldeirão.
. Cailleach Ursa (celta): A bruxa e destruidora deusa que governava sobre a doença, morte, sabedoria, os ritos sazonais e clima de magia.
. Elli (nórdica): Deusa da velhice, derrotou Thor.
. Avó Spiderwoman (nativa americana): Velha mulher sábia que deu ao homem o sol e o fogo.
. Ereshkigal (suméria): Deusa do Submundo.
. Estsanatlehi (nativa americana): Deusa da vida, morte e imortalidade.
. Hécate (grega): Deusa do submundo e da magia.
. Hella (nórdica): Régua de Helheim , a terra dos mortos.
. Inari (japonesa): Orienta e protege os espíritos dos mortos.
. Kali (indiana): Deusa da destruição e renascimento.
. Kalma (finlandesa): Deusa da morte e da decadência.
. Lara (romana): Mãe de mortos.
. Libitina (romana): Deusa dos funerais e das piras.
. Lilith (hebraica): Adams primeira esposa e guardiã dos mistérios das mulheres.
. Macha ( irlandesa): A mulher selvagem que luta contra a injustiça a mulher e os filhos.
. Mórrígan (celta): O Corvo, Deusa que compreende a natureza da morte.
. Mãe Holle (Alemão): The Wise Rainha do Inverno.
. Nicneven (celta): Deusa da Magia e do inverno.
. Néftis (egípcia): A deusa funerária associada à morte , a magia ea reencarnação.
. Sedna (inuit): Senhora da vida e da morte.
. Xochiquetzal (mexicana): Deusa dos ciclos de vida comemorado no dia dos mortos.


A mulher Crone

A Jornada da Crone!
Em tempos antigos, as croneshags e witches eram frequentemente sábias, parteiras, líders e curandeiras das comunidades onde viviam, e eram reverenciadas pela sua sabedoria e conhecimento. Uma mulher anciã é como melhor se descreve uma mulher Crone.  À medida que a história evoluiu e a sociedade patriarcal se implementou, as definições de crone (a coroada), hag (a sagrada) e bruxa (a sábia) foram distorcidas.
Por um longo tempo, ser chamado de "velha" era um insulto. 
A própria palavra implicava em significados como, corcunda, enrrugada,mulher deidade, não desejada e não amada.
As mulheres que haviam atingido uma idade avançada foram desprezadas como bruxas inúteis, e não havia nada para comemorar em tudo isto. Felizmente, os tempos estão mudando, e mais e mais mulheres estão recebendo bem este aspecto da vida. Elas seguem muitos anos no aspecto da "Donzela" seguido por um par de décadas como "Mãe" para muitos de nós. Por que não comemorar esta nova e linda fase da vida? A Crone, feminina no explendor dessa idade!
Mais mulheres na casa dos cinquenta, sessenta, setenta e até estão deixando de lado todas as armadilhas da "juventude falsa" que foram uma parte hipócrita da sociedade nas últimas décadas. Não é raro ver mulheres maduras com mechas gloriosas de cabelo prateado como a luz do luar, quando há dez anos poderia ter usado tinturas para esconder os fios grisalhos. Mulheres mais velhas estão namorando homens mais jovens. E sendo muito felizes!
As mulheres " Crones" de hoje estão muito mais dispostos a abraçar a sua sexualidade e feminilidade. Finalmente estão entendendo que tem condições de retomar a noção de que com a idade vem a sabedoria, e estão acolhendo o poder de sua própria energia. Estão vivendo mais, estão auto-suficientes, e dispostas a compartilhar sua experiência com os outros. São inteligentes e confiantes e isso é muito sexy. A sexuliadade deixou de estar tão implícita no corpo, e desperta mais exuberante pela mente.
Despertando nome da Crone:
Em culturas primitivas, a anciã era a mulher sábia. Ela foi a curandeira, a professora, a que conferiu o conhecimento. Ela mediava disputas, ela teve influência sobre os líderes tribais, e ela cuidava dos moribundos quando eles sofriam seus suspiros finais. Para muitas mulheres na Wicca e outras religiões pagãs, alcançar o status de Crone é um marco importante. Essas mulheres estão reivindicando o nome de "Crone" de uma forma positiva, e vê-lo como um momento de alegria, e são bem-vindas a posição de uma "Crone" dentro das comunidades pagãs.


domingo, 25 de junho de 2017

Madame Lenormand

A mais famosa cartomante de todos os tempos.   
Marie Annie Adelaide Lenormand nasceu em 27 de maio de 1772 na França em uma família rica e aristocrática  aos 21 anos começou a estudar cartomancia e em pouco tempo se tornou famosa , Sua .paranormalidade de prever o futuro era tão profunda que ela foi chamada de "A Sibila do Faubourg Saint-Germain." Madame Lenormand foi consultada por milhares de pessoas das mais influentes da Europa. Ela era regularmente visitada por Josephine ( mulher de Napoleão), e previu a ascensão e queda de Napoleão, bem como o divórcio de Josephine com elel. Madame Lenormand era tão dedicada à sua arte, que ela criou um baralho personalizado de 36 lâminas de seu próprio projeto. Cada carta carrega mais de um significado. Na maioria dos clássicos espalhados o significado de cada carta em uma leitura específica está diretamente relacionada à sua proximidade com o carta que representa p o consulente. No entanto, as suas lâminas funcionam muito bem como cartas de tarô. Hoje seu trabalho é muito conhecido como o "baralho cigano".
Ela morreu em 25 de junho de 1843 aos 72 anos deixando um grande legado a todos nós que apreciamos e praticamos a cartomancia




terça-feira, 6 de junho de 2017

encanto de proteção

" Se voçê tentar me cortar
que seja o seu sangue que escorra
Se voçê tentar me difamar
que seja as suas mentiras que o tempo mostre
Se voçê  tentar me quebrar
Que seja a sua poeira que o vento sopre "

ESSE É UM ENCANTO DE PROTEÇÃO CONTRA ALGUÉM QUE TE DESEJA MAL

domingo, 28 de maio de 2017

Óleo de Proteção



Óleo de Proteção
3 ramos de arruda
3 dentes de alho descascados
1 xícara óleo de semente de uva
1 punhado de sal marinho
1 fita vermelha
1 vidro com rolha
Macere em um pilão a arruda e o alho. Em seguida acrescenta-se um pouco do óleo de uva. Volte a macerar. Coloque a mistura no vidro e acrescente o restante do óleo. Coloque por último um pouco de sal marinho. Tampe o vidro com a rolha e amarre a fita vermelha no gargalo do vidro, dando três nós. Este óleo deve ser utilizado em rituais de banimento de forças inimigas, na unção das velas. Sele as portas e janelas de sua casa com esse óleo, barrando assim as energias nocivas, expulsando todo o mal.

sábado, 27 de maio de 2017

Aulas de Dança Cigana, Vitória ES

Aulas de Dança Cigana, em seus diversos estilos, sempre abordando as tradições e costumes do Povo Cigano.
Aulas  para todas as idades,, na Casa da Stael ( Espaço de arte e cultura na Rua 7, Centro) e também com aulas em domicílio e condomínios,  individual ou em grupo
Com Cinthya Hayka
Professora de Dança Cigana , estudiosa da cultura do Povo Cigano e taróloga
Celular/ whatisapp : (27) 999289996
Fanpage: dança do ventre e cigana Cinthya Hayka




Vênus em Touro

 Vênu em Touto, sensualidade à  flôr da pele

Vênus na astrologia está ligada ao sexo carnal, a sensualidade e sexualidade, pois a mesma se domicilia no signo de Touro e Libra – Sugerindo conforto e luxo, riqueza e necessidade de segurança. É um planeta feminino ligado às mulheres, e em mapas diurnos Vênus se associa a nossa figura materna. Vênus representa o belo, tudo aquilo que oferece prazer, inclusive a mesma, segundo a ordem está associada à quinta casa astrológica, que representa sexo e prazer. Vênus é quente e úmido, e representa todas as coisas belas, a beleza em sua exaltação estética, entre outros arquétipos como a harmonia e equilíbrio. Tudo que é doce e puro é considerado o Pequeno Benéfico pelos antigos. Ou seja, Vênus representa tudo àquilo que nos agrada e nos da alegria e prazer.
Touro rege as coisas belas em si, tudo aquilo que nutre e cuida. Pois o mesmo é domicílio noturno de Vênus, e também a exaltação da Lua, ou seja, aqui, Vênus fica fortalecida e dignificada, pois está em seu domicílio. Touro é um signo feminino, do elemento terra, de qualidade fixa, frio e seco e de temperamento melancólico.
Os nativos que possuem este posicionamento em suas cartas, tendem a amar visceralmente o outro, de forma bestial, como um animal caça o outro e o domina ferozmente. Porém, pra se apaixonarem de verdade, antes de tudo eles precisam se sentir seguros, eles precisam construir uma relação de confiança. São nativos cuidadosos, que tendem a cuidar daqueles que eles amam de forma bastante intensa, às vezes tentando possui a outra pessoa, dominando e controlando as situações de forma autoritária, o que pode levar a via negativa deste posicionamento, caso Vênus não esteja em bons aspectos no mapa no contexto todo, que é a possessividade e o medo de perder aquilo que eles construíram com tanto tempo e esforço.
Nativos de Vênus em Touro no quesito das finanças tendem a cuidar de suas economias melhor que ninguém, conseguindo administrar o seu dinheiro de forma segura e paciente, o que pode levar estes nativos facilmente ao que eles tanto necessitam que é de conforto e de estabilidade financeira. Porém caso Vênus ou a Lua esteja em aspectos negativos no mapa, estes nativos tendem a viver somente aos moldes do luxo e da riqueza, onde a necessidade de ambição pode se transformar em ganância, podendo ser avarentos e mesquinhos.
Nativos de Vênus em Touro, normalmente são sedutores, e chamam a atenção por onde passam, devido ao seu charme natural. Sempre vão querer passar uma boa impressão e quando conseguem o que querem. Eles sempre vão necessitar sentir o toque, o cheiro, o perfume do corpo da outra pessoa, são pessoas que precisam tocar e sentir que aquilo é real. Então no sexo, estes nativos tendem a usar as mãos de forma bastante sedutora, conseguindo facilmente obter o gozo e o orgasmo da outra pessoa, eventualmente os deles próprios. Touro é um signo que é associado à matéria, as coisas materiais, então o amor se manifesta no toque, no olho a olho, no contato físico, não naquele romantismo poético que ocorre em Vênus em Peixes por exemplo. Aqui ocorre o amor realista, que se constrói com o tempo, e não em uma “noitada” apenas.
São nativos realistas antes de tudo, odeiam tudo que é complicado, pois Touro é um signo do elemento terra, então quanto mais praticidade nas expressões de amor aqui, mas estes nativos vão se apaixonar visceralmente. São nativos de boa voz e boa lábia, conseguem seduzir apenas usando as palavras, pois touro rege as cordas vocais, então a dança, a música, os lugares belos, são coisas que atraem qualquer nativo de Vênus em Touro. São aqueles nativos românticos a moda antiga digamos assim. Eu pessoalmente associo este posicionamento a uma dança de tango, onde duas pessoas se tocam, se olham e fazem o jogo da sedução conforme a música e os movimentos sedutores do corpo, onde as duas somente se entregam uma à outra quando as mesmas se sentem seguras.


terça-feira, 23 de maio de 2017

símbolo mágico contra energias negativas

Para anular energias negativas enviadas contra você ou adquiridas . Desenhe este símbolo em papel ou cartolina preta com tinta prateada. Use como suporte de fotografia ( tipo atrás de sua foto em um porta retrato ou carregue junto ao corpo .Tatuagem em qualquer cor (tenho uma bem minúscula!!) . Se desejar usar para proteger sua casa, escritório, comércio...etc.. , utilize em uma parede , ocultando com um quadro .
Poderá ter seus efeitos potencializados , quando unido com outros talismãs . 


segunda-feira, 15 de maio de 2017

Hieróglifos

Hieróglifos também conhecidos como a "sagrado escrita". Apenas os sacerdotes, membros da realeza, altos cargos, e escribas conheciam a arte de ler e escrever esses sinais "sagrados".
A escrita hieroglífica constitui provavelmente o mais antigo sistema organizado de escrita no mundo, e era vocacionada principalmente para inscrições formais nas paredes de templos e túmulos.
Em razão de seu valor religiosos e sagrado ,os ideogramas complexos do Egito antigo são tratados como um pentáculos na magia Kemética.
Os hieróglifos que representam animais protetores como:chacal,gato,serpente,garça,boi,crocodilo,leão,lince,abelha,ganso,gafanhoto...é utilizado gravados inteirou ou quebrados usados na escrita de selos e feitiços .
As fórmulas mágicas dos egípcios,proibições,injunções eram codificadas pelos sacerdotes antigos as Kheriheb,eram escritas em papiros ou estelas de pedra ou vidro.São geralmente palavras usuais dissimulando os nomes dos deuses,que não deviam ser pronunciados.
Por exemplo:o deus Tifon,ou Seth,gênio do mal,era simbolizado pela cor ruiva e um asno:o nome deste animal significa avermelhado,calor e servia para formar as palavras violência,injúria,rapina,característica associadas a Seth.
Entre os nomes recorrentes utilizados pela ciência talismânica egípcia são:Aton,Erpit,Rá,Tat, Serket,Apepi,Tauret sua sonoridade repetida em transe e escrita em formas diferentes resultavam em fórmula magicas semelhante aos fetiches .


quarta-feira, 10 de maio de 2017

Paganismo

Paganismo )O(
Paganismo (do latim "paganus", que significa "camponês", "rústico" ), cujo significado é o de uma pessoa que viveu numa aldeia, num dado país, um rústico. Aquele que mora no "pagus", no campo, na Natureza.
É também um termo geral, normalmente usado para se referir a tradições religiosas politeístas. Originalmente, esse termo era empregado para diferenciar os seguidores das religiões da Terra, dos muitos deuses e deusas da Natureza.
Consiste na crença em mais do que uma divindade, no reconhecimento da existência de múltiplos deuses e deusas, com uma personalidade e vontade próprias, que possuem fases como (juventude, maternidade e velhice) bem como governando sobre diversas atividades, áreas, objetos, instituições, elementos naturais e mesmo relações humanas.
Poucas pessoas hoje em dia ainda mantêm um contato direto com as tradições originais do Paganismo, é quase impossível reviver esta cultura em sua base fidedigna, daí a necessidade de se diferenciar o Paganismo original - surgido na Antiguidade - do novo paganismo ( Neopaganismo) , representado por diversas correntes recentes.
O neopaganismo inclui religiões reconstruídas como o reconstrucionismo do Politeísmo Helênico, Celta ou Germânico, que trás uma releitura sobre a perspectiva dos seus seguidores, bem como modernas tradições ecléticas como a Wicca e suas muitas correntes e vertentes.
Muitas dessas "reconstruções", como o Wicca e neo-druidismo em particular, têm suas raízes no romantismo e na folclorização da cultura, com apropriações das praticas do paganismo original. e retem em si os elementos visíveis do ocultismo ou teosofia , então, que os distingue religião e folclore histórico rural (paganus) ou Novos Pagãos. ( Novo paganismo)
Em torno do século IV, o termo paganus começou a ser utilizado entre os cristãos no Império Romano, para se referir a uma pessoa que não era um cristão e que ainda acreditava nos antigos deuses.

domingo, 7 de maio de 2017

Aula de Dança do Ventre Vitória ES

Aulas de DANÇA DO VENTRE as quintas feiras, das 18:30 as 20:00
Local: Casa da Stael, Rua 7, 263, Centro, Vitória. 
Professora Cinthya Hayka
Venha despertar a Deusa que existe em você.
Informações
Stael Magesck 997873269
Cinthya Hayka 999289996

Fanpage: DANÇA DO VENTRE E CIGANA CINTHYA HAYKA

sábado, 6 de maio de 2017

Ciganos na Umbanda

Pertencem à uma linha de trabalhadores espirituais que busca seu espaço próprio pela força que demonstram em termos de caridade e serviços a humanidade. Seus préstimos são valiosas contribuições no campo do bem-estar pessoal e social, saúde, equilíbrio físico, mental e espiritual, e tem seu alicerce em entidades conhecidas popularmente com "encantadas".
São entidades que há pouco tempo ganharam força dentro dos rituais da Umbanda. Erroneamente no começo eram confundidos com entidades espirituais que vinham na linha dos Exus, tal confusão se dava por algumas ciganas se apresentarem como Cigana das Almas, Cigana do Cruzeiro ou nomes semelhantes a esses utilizados por Exus e Pombas-Gira. Hoje, o culto está mais difundido, se sabe e se conhece mais coisas sobre essas entidades, chegando algumas casas a terem um ou mais dias específicos para o culto aos espíritos ciganos.
Não tem na Umbanda o seu alicerce espiritual, como dissemos; Amor incondicional à proteção da natureza.
Encontraram na Umbanda um lugar quase ideal para suas práticas por uma necessidade lógica de trabalho e caridade.
Na Umbanda passaram a se identificar com os toques dos atabaques, com os pontos cantados em sua homenagem e com algumas das oferendas que são entregues às outras entidades cultuadas pela Umbanda. Encontraram lá, na Umbanda, uma maneira mais rápida de se adaptarem a cultos e é por isso que hoje é onde mais se identificam e se apresentam.
São entidades oriundas de um povo muito rico de histórias e lendas, foram na maioria andarilhos que viveram nos séculos XIII, XIV, XV e XVI. Tem na sua origem o trabalho com a natureza, a subsistência através do que plantavam e o desapego as coisas materiais.
Dentro da Umbanda seus fundamentos são simples, não possuindo assentamentos ou ferramentas para centralização da força espiritual. São cultuados em geral com imagens bem simples, com taças com vinho ou com água, doces finos e frutas solares. Trabalham também com as energias do Oriente, com cristais, incensos, pedras energéticas, com as cores, com os quatro sagrados elementos da natureza e se utilizam exclusivamente de magia branca natural, como banhos e chás elaborados exclusivamente com ervas.
Por isso tudo fica evidenciado que são entidades que trabalham exclusivamente para o bem.

Santa Sara Kali é sua orientadora para o bom andamento das missões espirituais. Não devemos confundir tal fato com Sincretismos, pois Santa Sarah é tida como orientadora espiritual e não como patrona ou imagem de algum sincretismo.
Ciganos na Umbanda são espíritos desencarnados homens e mulheres que pertenceram ao povo cigano.
Os ciganos em geral, tem seus rituais específicos e cultuam muito a natureza, os astros e ancestrais. A santa protetora do povo cigano é "Santa Sara Cali". Dentro da Umbanda, trabalham para o progresso financeiro e para as causas amorosas. Cheios de simpatias espirituais, os espíritos ciganos trabalham para a cura de doenças espirituais.
Os ciganos, dentro da ritualística umbandista, falam a língua "portunhol", alguns, poucos, falam o romanês, língua original dos ciganos. As incorporações acontecem geralmente em linha própria, mas nada impede que eles possam a vir trabalhar na linha de Exú.
São muito altivos, assertivos no que falam, seguros de si, do que enxergam e acreditam. É um povo de muita fé e credibilidade. De muito domínio e poder. São donos de uma sensualidade natural e nunca barata, envolventes pelo alto nível de carisma e amor ao próximo.
Estão sempre prontos a auxiliar aqueles que o invocam e necessitam de sua ajuda. São exímios apreciadores de licores, vinhos, ouro, prata, tecidos, amantes da arte, donos de uma sensibilidade ímpar.
Muitos são clarividentes natos e muito zelosos com aqueles que estimam.




terça-feira, 2 de maio de 2017

maneira simplificada de montar um altar cigano

Muitas vezes não temos condições ou mesmo espaço para montar um altar cigano
Isso não pode ser um impedimento para termos o nosso altar que pode ser feito de forma simples e singela

- Coloque imagens ( estatueta) de uma ou mais entidade cigana de us preferência. Essas imagens podem ser em forma de gravura, pintura... Se pesquisar no google verá imagens lindas ou enfeite uma bonequinha com roupas e enfeites ciganos

- Se desejar coloque também imagens de Santa Sara Kali.

- Pegue um potinho e coloque cristais, pedras ( limpas e energizadas), moedas, bijouterias douradas, pedrarias coloridas e  se tiver algo de ouro também

- Coloque algumas cartas ciganas de sua preferência. Se não tiver um baralho, imprima essas figuras de cartas também

- Coloque um leque aberto

- Compre um pandeirinho de plástico daqueles de lojas de 1,99 e enfeite com fitas coloridas. Faça isso com muito capricho ou se preferir, faça um enfeite com fitas, tipo laços. Use  a sua imaginação


- Coloque uma taça de água , lembrando-se de trocar essa água, despejando o líquido em água corrente ( basta abrir uma torneira na pia e despejara  água)

 - Sempre que puder, coloque uma fruta, como uma maçã , uvas.. só não coloque frutas ácidas como abacaxi e laranja

-  Um incensário também é muito bem vindo

- Um recipiente para colocar velas quando você quiser ou precisar

Enfim , use a sua imaginação , siga a sua intuição
Muitas vezes pensamos que temos que fazer um altar muito rico mas nem sempre podemos fazer isso. O que importa é a intenção, o carinho com que você monta o seu altar. Com certeza os Ciganos vão gostar muito e voçê estará em sintonia para pedir, agradecer e ter a proteção dos Ciganos do astral

OPTCHA!!!!!



como montar um altar cigano

ALTAR CIGANO
Desde o momento em que existe a intenção de se oferecer um altar a um Cigano, ali se cria um elo espiritual. Onde quer que esteja o Cigano que é cultuado ali ele sempre ouvirá o chamado feito diante do altar.
O mais importante em um altar para os Ciganos são os 4 elementos. Para representá-los, usamos um Castiçal com uma (ou mais) velas, representando o Fogo, mesmo que a vela esteja apagada.
As cores podem ser qualquer uma, exceto preto e marrom. Essas cores só são usadas em certos tipos de rituais.
Não podemos esquecer que temos que ter a imagem de Santa Sara Kali e de Nossa Senhora Aparecida, assim como a imagem de nossos Ciganos. Se não tiver condições de comprar, coloque gravuras, fotos, algo que represente 
Deve-se ter uma taça bonita com Água, pois a água é simbolismo do sentimento, por isso deve ser sempre a mais pura e limpa possível (água mineral sem gás).
A água na taça atua como um catalisador de más energias, e quando estiver turva, deve ser jogada em água corrente e trocada, sempre por água filtrada ou mineral.
Um incensário, onde um incenso deve ser aceso pelo menos uma vez por semana – representa o Ar, mesmo sem incenso.
Tipos de Incensos utilizados são os Florais para as Ciganas (Rosa, Violeta, Lírio, Dama da Noite, Jasmim, etc.) e os Herbais para os Ciganos (Sândalo, Canela, Cravo, Eucalipto, Mirra, Alecrim, Benjoim, etc.).
Cristais, de vários tipos, cores, formas e tamanhos. Caso não seja possível ter muitos, coloque alguns escolhidos por intuição. O ideal é ter pelo menos uma pedra em estado bruto/ponta. As pedras podem ficar também num pote de vidro transparente sem tampa e com água, pois a mesma potencializa a capacidade energética dos Cristais. Os cristais fecham o ciclo, representando a Terra.
Corpo: Terra, Coração: Emoção – Água: Mente e Ar e Espírito: Fogo.
Além desses elementos, que são básicos, qualquer outra coisa que seja sentida por intuição, pode ser colocada: Baralho, Leque, Adornos, Lenços, Baú, etc.
A única exceção é o Punhal, este só deve ser colocado se for um punhal já trabalhado, ou seja, que tenha passado pela magia de um Cigano, que pode ser o seu, ou o de outra pessoa (alguém que fez o trabalho no punhal para você, nesse caso, é recomendado muitíssimo cuidado antes de aceitar).
Para o fortalecimento dos Ciganos, é muito bom colocar uma Fruta no altar, pelo menos 1 vez por semana, na 2ª noite da lua cheia ou crescente. Só não coloque frutas ácidas, tipo abacaxi ou laranja… Ciganos não gostam de sabores ácidos, pelo menos a maioria não, e se você não tiver a certeza, melhor não arriscar!
As frutas devem ficar até um pouco antes de apodrecer, e devem ser descartadas em um jardim bonito.
Pode ser oferecida também uma taça com vinho, além da que tem água, pois o vinho é a bebida Universal dos Ciganos. Após uma semana, ou quando a lua virar, despeje o vinho em água corrente.
Flores também são bem vindas no altar, sendo que se for um altar para Cigano, as flores devem ser Cravo Branco ou Vermelho, Girassol, Lírio Branco ou Rosa Branca (rosas em números ímpares). Essa regra vale apenas para caso de não se conhecer as preferências de cada Cigano.
As flores murchas ou secas devem ser colocadas em um jardim, onde não haja espinhos.
Não limpe seu altar na fase da lua minguante, pois isto atrapalharia suas boas vibrações como saúde e prosperidade.
(Fonte: Cigana Lumiar D´eor)

sábado, 29 de abril de 2017

THOR

Thor significa Deus do Trovão na mitologia nórdica. É caracterizado pela sua forte estatura, pelas barbas e cabelos vermelhos e por possuir um poderoso martelo denominado Mjölnir, com o qual enfrenta seus inimigos e consegue disparar raios. De acordo com a mitologia, os trovões aconteciam quando Thor estava usando o Mjölnir. Thor é também conhecido como Deus da Fertilidade.
Na hierarquia dos deuses, Thor é o segundo maior guerreiro e guardião dos deuses. Thor é filho de Odin (deus supremo de Asgard, o reino dos deuses) e de Jord (deusa de Midgard, o reino dos humanos, a Terra). É casado com Sif e teve dois filhos, Modi e Magni, sendo que este último herdou a força do pai.
O quinto dia da semana (quinta-feira) significa Dia de Thor (Thor´s day ou Thursday em inglês) e Dia do Trovão (Donnerstag em alemão, uma junção de Donner (trovão) e Tag (dia). A mitologia nórdica é também conhecida como mitologia germânica, mitologia escandinava ou mitologia viking.


terça-feira, 25 de abril de 2017

o poder do sangue menstrual

Muitas mulheres veem o sangue menstrual com as marcas que o patriarcado lhe colocou: sujo, nojento, desagradável... Para ser uma bruxa você tem que destruir esses pensamentos e essas sensações e recuperar a sacralidade de seu sangue menstrual.Celebre e honre seu ciclo. É a época de mais poder para uma a bruxa!
 Sempre adorei ficar menstruada, é meu momento mágico, só meu, meu contato mais íntimo com minha Deusa interior. Talvez por gostar e aceitar como uma dádiva, nunca tive nenhum problema como cólicas

Ouve, mulher que sangra
Este sangue é essencial
É ser fêmea
Ser sagrada, natural
Sente este sangue escorrer de dentro de você
Tenha orgulho dele
Recebe-o com emoção
Não o impeça de chegar a cada mês
Completar seu ciclo
Porque é você!
Ouve, mulher
Você sangra
Um motivo especial
Diferencial
A mãe te deu este poder
A avó te ensinou certo
Não se perca...
Ouve, antes que seja tarde
Sangue não deve ser lágrima
Seja quem você é
Tenho medo por você, mulher que sangra e não quer sangrar
Pena, preocupação, irmã minha
Não corta esse vínculo com as tuas ancestrais
Com a grande mãe
Ouve! É só o que posso te dizer.
Sente! É o que deve fazer.
E o medo não virá, a dor também não
A natureza cobra o que dá.
Como você vai dizer? Não sabia...
Agora já sabe


domingo, 23 de abril de 2017

A história do Sal

Desde a Antiguidade que o sal é utilizado pelos homens e é considerado um bem muitíssimo precioso. Consideravam eles que era uma dádiva dos Deuses, e associaram-na tanto á religião, quanto á bruxaria. Para além disso, o seu valor monetário e econômico era comparável ao do ouro, da seda e das especiarias.
A palavra sal vem do vocabulário grego “hals” e “halos”, que tanto significam sal como mar. Da mesma raiz se deriva a palavra “halita”, dada ao Cloreto de Sódio encontrado em depósitos naturais, que é o sal gema.
O uso do sal ao longo dos tempos e culturas:
Na Antiguidade, era oferecido aos deuses, era usado pelos sacerdotes tanto em liturgias religiosas como em cerimônias mágicas, como para afastar os demônios. Os assírios utilizavam-no nos cultos religiosos.
No antigo Egito, o sal foi considerado matéria sagrada e era usado como produto sagrado, sendo feitas oferendas de sal aos Deuses.
Os Egípcios usavam igualmente o sal para desidratar e embalsamar o corpo dos faraós.

Os romanos consideravam o sal um simbolo de sabedoria, e por isso usavam-no num ritual aos recém-nascidos: derramavam sal sobre eles para que não lhes faltasse a sabedoria.

Desde a Antiguidade que o sal é utilizado pelos homens e é considerado um bem muitíssimo precioso. Consideravam eles que era uma dádiva dos Deuses, e associaram-na tanto á religião, quanto á bruxaria. Para além disso, o seu valor monetário e econômico era comparável ao do ouro, da seda e das especiarias.
A palavra sal vem do vocabulário grego “hals” e “halos”, que tanto significam sal como mar. Da mesma raiz se deriva a palavra “halita”, dada ao Cloreto de Sódio encontrado em depósitos naturais, que é o sal gema.
O uso do sal ao longo dos tempos e culturas:
Na Antiguidade, era oferecido aos deuses, era usado pelos sacerdotes tanto em liturgias religiosas como em cerimônias mágicas, como para afastar os demônios. Os assírios utilizavam-no nos cultos religiosos.
No antigo Egito, o sal foi considerado matéria sagrada e era usado como produto sagrado, sendo feitas oferendas de sal aos Deuses.
Os Egípcios usavam igualmente o sal para desidratar e embalsamar o corpo dos faraós.

Os romanos consideravam o sal um simbolo de sabedoria, e por isso usavam-no num ritual aos recém-nascidos: derramavam sal sobre eles para que não lhes faltasse a sabedoria.

Na Idade Média, os alquimistas usavam o sal como elemento entre o mercúrio e o enxofre, sendo essencial á transmutação de metais. O sal continuava sendo indispensável para afastar os maus espíritos, os demônios e as bruxas. Assim, deitava-se sal na chaminé da casa para impedir os demônios de nela entrarem. E o facto de alguém comer alimentos sem sal era considerado altamente suspeito!!! Proliferaram igualmente as superstições relativas ao sal, mantendo-se a superstição de que desperdiçar sal era mau agouro, era sinal de malefício. Nesta época, o Sal separava senhores e servos, os que tinham dinheiro e os que não tinham...
Na obra de Leonardo da Vinci (1452-1519), “A última ceia” retrata um saleiro derrubado diante de Judas e apontando na sua direção. Já naquela época dizia-se, que alguém que entornasse sal deveria pegar nalgum do que foi derramado e lançá-lo para trás do ombro esquerdo, lado que representava o mal.
Os árabes citam recomendações de Maomé para: "começar pelo sal e terminar com o sal; porque o sal cura numerosos males

banhos com sal grosso

O BANHO COM ÁGUA E SAL :

O banho de sal grosso é o chamado "descarrego". É recomendado para
eliminar as toxinas, porque o sal anula o excesso de energia, e limpar a sua
aura. Quando esta está saturada o sal a recompõe rapidamente. Comece por
tomar o seu banho do costume. Passe então pelo seu corpo a água com sal
previamente preparado (pode ter um balde com o preparo ao lado do chuveiro)
para não ter que interromper o banho. Dê especial atenção á zona do seu
umbigo, pois aí se localiza o seu chakra solar, e é a zona do seu corpo por
onde é absorvida a maior quantidade de energia negativa. Tome um segundo
banho de chuveiro para retirar o excesso de sal. Para se enxugar dê batidinhas
de leve com a toalha e se vista preferencialmente com roupas claras.
Faça este ritual uma vez por mês.

BANHO COM SAL E ARRUDA :

O banho com sal e arruda é um banho de descarrego de energias
negativas. È ótimo quando têm vários sintomas de excesso de “peso espiritual”,
que se traduzem em fortes dores de costas, má disposição, sempre com sono,
dores de cabeça. Como fazer: encha a banheira com água bem quente, queime um incenso a seu gosto para purificar o ambiente; deite dois punhados
de sal grosso dentro da água, e deite o líquido resultante de uma infusão de
arruda para dentro da banheira. Deite-se dentro da água e relaxe. Fique o
tempo que quiser. Vai ver aquele “peso” a ir-se embora. Tome em seguida a
sua ducha normalmente, vai var que estará muito mais leve.

BANHO COM SAL E OUTROS PARA RETIRA A NEGATIVIDADE:

Como fazer o preparado para o banho: 4 litros de água; 2 punhados de sal
grosso; 2 dentes de alho roxo cortados em cruz, 5 galhos de arruda fêmea e 5
de arruda macho. Faça esta mágica em lua minguante.
Ferva a água juntamente com os dentes de alho previamente cortados.
Depois, macere a arruda até estar desfeita e junte-a á água fervida. Misture
então o sal. Deixe arrefecer e coe. Tome o seu banho habitual e depois passe
aquele preparo do pescoço para baixo. Passadas pelo menos 2 horas tome
uma ducha para retirar o “banho mágico”.