domingo, 4 de dezembro de 2016

a história mágica dos cupcakes

A história Mágica dos Cupcakes
Hoje os Cupcakes são muito populares, são até usados em reality show de culinária. Nos EUA e Inglaterra existem lojas especializadas somente na produção e venda dessas delícias culinárias. 
Os Cupcakes são pequenos bolinhos doces com recheios e cobertos de forma artística e artesanal. Na Inglaterra quando sobravam pequenas porções de massas dos bolos, eles aproveitavam para fazer os pequenos "Fairy Cakes" ou "Bolos de Fadas". 
Eles colocavam esses pequenos bolos em oferendas as fadas no parapeito de suas janelas, para que elas trouxessem sorte e bênçãos sobre a casa e a família. Como as fadas sempre foram ligadas aos destinos humanos, ser abençoado por elas, era de grande importância para os povos camponeses. Tradição que mesmo com o passar dos anos, não se perdeu e ganhou uma "nova versão" como os Cupcakes.
Cupcakes, ainda são chamados na Inglaterra de "Fairy Cakes" não por acaso! São dedicados como doces de oferendas para as fadas em forma elemental. Usar "Cupcakes" em rituais de fadas relembra essa antiga tradição inglesa e nos remete a provar essas delícias, que antes eram exclusividade para as fadas. As crianças inglesas adoram essa tradição, pois elas comiam "escondidas" os "Faery Cakes' que ficavam nas janelas e podiam colocar a culpa de terem desaparecido nas fadas. Uma deliciosa e encantada tradição que não deve se perder.



Mas como é um CUPCAKE?

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

1/12 dia dos elementais

01/12 - Dia dos seres elementais, nos países eslavos.
Os povos eslavos acreditavam na existência de vários tipos de elementais ou o "Pequeno Povo", como eram chamados nas tradições Celtas.
Os Domovoj eram os elfos caseiros; eles moravam atrás das lareiras nas casas que eles tinham adotados e eram extremamente leais às familias que os abrigavam.
Os Bannik viviam nos banheiros e gostavam de encontrar uma vasilha com água fresca colocada a seu dispor após o anoitecer.
Os Vazila cuidavam dos cavalos e os Bagan, das cabras e ovelhas.
Já os Leshi era o Senhor das florestas, cuidando de todos os animais e podendo tornar-se malévolo e perigoso nos meses de verão.
Os Poleviki, os elfos dos campos, viviam nos trigais e prejudicavam as colheiras se não recebessem agrados e respeito.
Independente dos nomes ou características específicas às culturas e lugares, os seres elementais estiveram sempre presentes na Natureza, dispostos ao convívio amistoso com os seres humanos desde que houvesse respeito e colaboração recíproca.
Procure entrar em contato com os elementais de seu ambiente próximo: jardim, campo, porão, sótão, cozinha ou escritório.
Procure atraí-los ou agradá-los oferecendo-lhes leite, mel, gengibre, canela, nozes, frutas cristalizadas, flores, cristais, pedaços de prata ou pirita, músicas de flautas, gaitas ou harmônicas, essências florais e velas coloridas.
Comunique-se telepaticamente com eles, pergunte-lhes quais seus nomes e preferencias e peça-lhes que cuidem de suas coisas, animais de estimação, plantas e propriedades.
Uma vez, prometendo-lhes algo em troca, jamais esqueça sua promessa, pois eles se irritam facilmente, tornando-se vingativos, maldosos e podendo lhe trazer inúmeros aborrecimentos e prejuízos.

domingo, 27 de novembro de 2016

o que faz uma bruxa?

A Bruxa estuda astrologia, biologia, hermetismo, herbologia, horticultura, diversas religiões, história geral, alquimia, terapias alternativas...
Todos os caminhos necessários para que ela desenvolva seus dons naturais e também sobrenaturais.
Toda Bruxa tem uma biblioteca abundante. Livros de muitos assuntos... Assuntos diversos!
A bruxa estuda oráculos, várias bruxarias para suas práticas no ofício e sempre está em busca de novos conhecimentos...
Não há na bruxaria, como renegar algo a estudar... Todos os assuntos são necessários para o ofício da bruxa!
A bruxa estuda cristais, simpatias, feitiços...
A bruxa estuda a história da música, e a história medieval...
É, o caminho da bruxa está em estudar!
A bruxa estuda de um tudo um pouco... Estuda ciências...reticências... Estuda a lua, o vento, o tempo... Estuda etnias...
A bruxa estuda teosofia... A sabedoria divina! A sabedoria dos deuses!
A bruxa estuda o poder das velas... O poder das cores... O poder da alma!
A bruxa estuda seu íntimo... Suas atitudes e pensamentos. Suas verdades!
A bruxa estuda os elementos... Estuda os animais... Estuda a natureza!
A bruxa estuda muitas artes... Geralmente vivem das artes!
A bruxa estuda a teoria e a prática de quase tudo. Tudo nos interessa...
Tudo nos acrescenta conhecimentos que se juntam, para formar o nosso poder mágico!
A bruxa estuda rituais... Mantras... Ervas!!!
Ela estuda números... Cabala, e tudo mais!
A vida da bruxa é estudar sempre!
A bruxa estuda símbolos runas, tarô... Na verdade estuda todos os tipos de sortilégios e oráculos!
Há bruxas que não dispensam a cozinha... Estudam receitas e mais receitas mágicas de cozinha!!!
A bruxa estuda fadas, gnomos e dragões... Estuda animais totens... E coisas do outro mundo!!!
A bruxa estuda as lições de primeiros socorros... E encantamentos de cura!
Na verdade, estudar a magia é estudar a própria vida!!
Com seus textos e contextos!!!
O melhor caminho da bruxaria...

O caminho mais iluminado e mais verdadeiro, é o estudo constante!!!
Sempre temos algo a aprender a acrescentar nas lições antigas, nos contextos novos e nos antigos!!!
Todos carregam uma escola inteira de lições diferentes...
Precisamos apreciar todos os ensinamentos!!
Com carinho especial a todas as bruxas e magos, estudiosos da arte mais antiga do mundo,
a arte da bruxaria, arte da vida, do viver bem consigo mesmo e com os outros!!
A arte de estudar o auto-conhecimento. 


sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Perfume de Vênus

Receitinha do meu amigo astrólogo e mago Glaucio

ASTROLOGIA E MAGIA.
Quem ai gosta de perfume ?
Esse cheiro dos Deuses que vem no ar e nos enebria ?
O amor é o que mais cheiro doce tem...
Vênus, a nossa amante espiritual, a rainha dos céus, nos brinda com seu cheiro....hummmmm....irresistível.
Vou te ensinar a fazer um perfume de Vênus, que vi deixar você com o cheiro dos Deuses e alucinar os humanos por onde você passar.
Ingredientes;
70% álcool de cereais
10% essência de rosas
10% de fixador
8% de água deionizada
Misture tudo, em uma sexta feira de lua Nova, deixe em vidro e local escuro, até a próxima sexta feira de lua Cheia, ou seja 15 dias depois.
Use gotas em sua casa, e em seu corpo.
Você não vai acreditar nos resultados...
Com votos de realizações.
Yóv Glaucio Costhae



terça-feira, 22 de novembro de 2016

ingredientes mágicos

Não é só na culinária que podemos usar esses ingredientes ( especiarias, leite, vinagre...)
Para aproveitar melhor os efeitos mágicos  podemos também fazer banhos, chás, poções, elixir, usar em queimas no caldeirão, patuás, talismãs..etc...etc... 

:Orégano: Traz paz e equilíbrio;
Salsinha: Para proteção e prosperidade;
Louro: Para promover vitória, proteção e cura;, também  dinheiro
Noz moscada: Traz coragem e proteção;
Manjerona: Traz amor e paz;
Cominho: Traz paz e felicidade;
Coentro: Trabalha o amor e a sensualidade;
Canela: Traz amor dinheiro, sensualidade e trabalho  com a consciência
psíquica; e ajuda a emagrecer
Cebolinha: Ajuda na perda e peso e na proteção;
Erva doce: Resgata a força física traz a tranquilidade, o equilíbrio, a doçura, ajuda na perda de peso e na
proteção;
Cravo da índia: Traz amor, dinheiro e proteção;
Gergelim: Traz sensualidade e fertilidade;
Alecrim: Promove a alegria, trabalha a mente consciente, a cura, o amor e a proteção;
Mostarda: Traz coragem e proteção;
Aveia: Trabalha com a prosperidade;
Leite: Realiza a expansão áurica;
Limão: Realiza a purificação e sentimento de felicidade;
Vinagre: Traz a purificação e a proteção;            



segunda-feira, 21 de novembro de 2016

talismã para cada signo

Confira os talismãs para o seu signo

Áries – Pingente de pimenta.
A pimenta, por sua vez, é um dos talismãs mais poderosos contra o mau-olhado. Que tal usar um pingente ou chaveiro em formato de pimenta?
Use também: um objeto em formato de sol ajuda os arianos a manter a sorte por perto.
Touro – Buda.
A imagem de Buda está relacionada à felicidade. Se você tiver uma estátua dele em sua casa, coloque embaixo seus pedidos escritos em um papel ou a foto de alguém especial. Use também: o trevo-de-quatro-folhas ajuda a atrair dinheiro.
Gêmeos – Símbolo Yin-Yang.
Na tradição chinesa, o símbolo Yin-Yang representa duas forças opostas sobre as quais se baseia todo o universo. O Yin é feminino e representa o lado escuro e negativo da vida. Já o Yang é masculino e traz luz e positividade. Juntos, eles são o equilíbrio e, por isso, ajudam a neutralizar tudo o que é ruim.
Use também: miniaturas de sinos também atraem boa sorte aos geminianos.
Câncer – Pingente de Lua e elefante branco.
A simbologia de uma imagem de elefante está relacionada ao fortalecimento do caráter de quem o usa.
Use também: pingente com o formato da Lua.
Leão – Dragão em miniatura.
O símbolo do dragão ajuda na proteção dos ambientes, como um guardião. Por isso é interessante ter uma peça com a imagem de um dragão em casa.
Use também: a figa atrai proteção e afasta a inveja.
Virgem – Estrela.
A estrela (de cinco pontas) protege contra todas as maldades, incluindo as energias negativas transmitidas pelas outras pessoas.
Use também: um objeto em formato de âncora ajuda os virginianos manterem sua estabilidade
 Libra – Pirâmide.
As pirâmides atraem boas energias e ajudam a rejuvenescer. São muito indicadas também durante o período de recuperação de alguma doença.
Use também: um pingente de coração para dar harmonia aos sentimentos.
Escorpião – Peixe.
A imagem de peixe traz proteção ao ambiente todo, além de representar a prosperidade. Já o gato ajuda a eliminar as energias negativas.
Use também: objetos em círculo (mandala) para aumentar a proteção.
Sagitário – Coruja da sorte.
A coruja é responsável por deixar o mau-olhado bem longe. É lega ter uma peça em casa ou uma bijuteria com a imagem de uma coruja.
Use também: Uma figa também afastará o mau-olhado dos sagitarianos.
Capricórnio – Miniatura de tartaruga.
A tartaruga ajuda a manter os problemas afastados, além de ajudar a resolver aqueles que já surgiram. Tenha uma imagem desse animal sempre por perto.
Use também: a imagem do Buda para aumentar a felicidade.
Aquário – Pingente de pássaro.
Os pássaros representam liberdade e se relacionam com os desejos e sentimentos que temos. Usar um pingente de pássaro ajuda a manter os sentimentos sob controle.
Use também: um objeto em formato de pirâmide para atrair boas energias.
Peixes – Crucifixo.
O crucifixo é muito conhecido por seu poder contra todo o tipo de maldade. Quer afastar tudo o que é ruim? Invista nos objeto em formato de cruz.
Use também: pingentes de borboleta para trazer mudanças e transformações necessárias.



talismãs e os significados

Talismãs e os significados
Sol: – saúde
Coração: - amor
Figa: – sorte e proteção
Olho grego: – contra inveja
Pimenta: – contra mal olhado
Elefante: – prosperidade, saúde, ativa a inteligência
Gato : - tira energia negativa do dono
Peixe: – fartura/prosperidade
Trevo: – sorte
Ferradura: – sorte
Olho horús: (deus egípcio) – proteção
dente: – vitalidade
Anjo: – proteção
Borboleta: – mudança, transformação
Joaninha: – fertilidade
Sapo: – saúde
Cruz ansata: – a chave dos mistérios da vida e morte (o conhecimento)
Chave: – abre os caminhos
Moeda: – sabedoria e sorte (a moeda chinesa também significa: o céu representado pelo círculo, a terra Pelo quadrado e cada um de nós preenchendo o espaço entre céu e terra.
Mão de Deus: – proteção (ou mão de Fátima no catolicismo – lembra que normalmente na hamsa judaíca tem o símbolo da vida ou o olho grego

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

LUA CHEIA

Assim como a lua influencia magneticamente a água, ela também afeta o nosso corpo etérico. A Lua Cheia aumenta a freqüência vibratória do corpo sutil, tornando as pessoas mais energizadas. Isso é muito importante, porque o corpo etérico faz a ligação entre o corpo físico e planos mais sutis, assim permite que flua mais energia interior e informações para o cérebro e sistema nervoso.
A Lua Cheia aumenta a sensibilidade e a atividade psíquica. De fato,  até mesmo nos hospícios os loucos ficam mais agitados quando tem lua cheia                                                                                                                                                              . É como se abrisse um portal entre os dois mundos, o denso e o sutil. É propícia para uma atividade espiritual mais intensa, para um trabalho interior mais profundo e dinâmico.
Historicamente a Lua Cheia sempre foi evocada para o trabalho interior, portanto, nós seguimos o mesmo comportamento e somos ajudados por este grande padrão arquetípico. Como ela pode ser vista em todos os lugares do planeta, é um sinal para um grande grupo planetário de trabalho.
A Lua Cheia possui qualidades curativas, especialmente, em órgãos femininos. Os remédios feitos com ervas e substâncias naturais, têm seu efeito potencializado, aumentando as chances de êxito no tratamento
Além disso,, na lua Cheia é a época ideal parar se fazer magia, feitiços, poções, encantamentos... para a prosperidade, amor, saúde, proteção.. Enfim, tudo que se quer de abundante e farto em nossas vidas

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

bruxas

São gente muito estrɑnhɑ ɑs Bruxɑs. Gente de corɑção desɑrmɑdo, sem ódios e preconceitos bɑrɑtos. Gente que fɑlɑ com bicho e plɑntɑ. Dɑnçɑ nɑ chuvɑ e se ɑlegrɑ com o sol... Fɑlɑm de ɑmor com os olhos iluminɑdos, como pɑres de luɑ cheiɑ. É gente que ficɑ horɑs olhɑndo ɑs estrelɑs, tentɑndo decifrɑr seus mistérios, e sempre conseguem. Gente que lê em fundos de xícɑrɑs, em bolɑs de cristɑl, tɑrot, com pedrɑs, nɑ ɑreiɑ, nɑs nuvens, no fogo, no copo d’águɑ... são muito estrɑnhɑs! Orɑm pɑrɑ elementɑis, ɑnjos e gnomos. Escutɑ o som dos ventos. Fɑlɑm com intimidɑde com os Deuses e lhes chɑmɑm pɑrɑ um círculo, fɑzem fogueirɑs e dɑnçɑm em voltɑ... São fortes e vɑlentes, ɑo mesmo tempo humildes e serenɑs. Gente que semeiɑ, colhe, orientɑ, ɑconselhɑ, buscɑ ɑ verdɑde e quer sempre ɑprender, mesmo que sejɑ de umɑ criɑnçɑ, de um pobre, de um ɑnɑlfɑbeto. Amɑm como missão sɑgrɑdɑ e distribuem ɑmor com ɑ mesmɑ serenidɑde com que distribuem o pão.
Que sejɑ ɑbençoɑdɑ todɑ essɑ gente estrɑnhɑ!
Blessed
FELIZ DIA DAS BRUXAS!!!!!





quarta-feira, 26 de outubro de 2016

invocação aos Quadrantes

 Invocação aos Quadrantes
Observação:
A associação dos elementos com os quadrantes não ha um modelo fixo, apenas um padrão.
As conexões com os quadrantes varia muito de lugar para lugar, de tradição para tradição. Existe a associação "padrão" Norte-Terra, Sul-Fogo, Oeste-Água e Leste-Ar porque para os europeus:
. o Norte é a terra escura, misteriosa, de onde "vinham os deuses"
. o Sul é de onde vem o calor, pois é onde fica a linha do Equador para eles
. o Oeste tem o oceano (água)
. o Leste traz os ventos do continente
Foi assim que eles fizeram essas relações. Nada impede que cada pessoa, tradição ou coven modifique isso de acordo com o lugar em que estão. Por exemplo, no Brasil faz mais sentido, seguindo estas associações ....Fogo ao Norte, a Terra ao Sul, a Água a Leste e o Ar a Oeste. O que importa é manter as oposições: Terra/Fogo e Água/Ar.
Algumas invocações alternativas que podem substituir as usadas no exemplo de como traçar o Círculo Mágico. São ótimas para variar a maneira de invocarmos os elementos em um ritual. Quando quiser, substitua as invocações dos Guardiões das Torres de Observação pelas que se seguem abaixo. São demonstrados dois tipos de invocações diferentes: a Invocação dos Grandes Espíritos e a dos Senhores e Senhoras dos elementos.
Invocação dos Grandes Espíritos

Norte
Grande Espírito do Norte, Forças da Terra de todos os Poderes. Chamamos e invocamos vocês. Cervo selvagem, bisão, cobra rastejante e javali. Mãe das montanhas e árvores, Senhora da meia-noite, Mãe da Terra. Espírito Verde e fértil da Natureza. Espírito feminino sagrado da energia telúrica, Doadora da Vida. Poderes da Terra! Enviem sua força. Estejam aqui conosco! Por todo o poder do Grande Espírito do Leste, Forças do Ar de todos os Poderes. Chamamos e invocamos vocês. Águia dourada, falcão, pássaro celeste e condor. Mensageiros vivazes, brisa da manhã, Ser dourado que sussurra. Espírito que traz o frescor. Espírito feminino sagrado da energia aérea, Sopro da Vida. Poderes do Ar! Enviem sua luz. Estejam aqui conosco! Por todo o poder do três vezes três, venham até nós! Sejam bem-vindos!
Leste
Grande Espírito do Leste, Forças do Ar de todos os Poderes. Chamamos e invocamos vocês. Águia dourada, falcão, pássaro celeste e condor. Mensageiros vivazes, brisa da manhã, Ser dourado que sussurra. Espírito que traz o frescor. Espírito feminino sagrado da energia aérea, Sopro da Vida. Poderes do Ar! Enviem sua luz. Estejam aqui conosco! Por todo o poder, do três vezes o três, venham até nós! Sejam bem-vindos!
Sul
Grande Espíritos do Sul, Força do Fogo de todos os Poderes. Chamamos e invocamos vocês. Dragão vermelho, leão, cavalo veloz e serpente. Fagulha de Luz, flor do deserto, Chama que canta e reluz. Espírito ardente que aquece e ilumina. Espírito feminino sagrado da energia ígnea, Virgem do Fogo, bela e formosa, Ardor de vida. Poderes do Fogo! Enviem sua chama. Estejam aqui conosco! Por todo o poder do três vezes três, venham até nós! Sejam bem-vindos!
Oeste
Grande Espíritos do Oeste, Força da Água de todos os Poderes. Chamamos e invocamos vocês. Garça de prata, peixe veloz, cisne flutuante e foca. Rio, cachoeira, mar, ondas, corredeiras, oceano do qual viemos, Príncipe Guerreiro do Crepúsculo de Outono, Senhora do pôr-do-sol. Espírito Feminino sagrado de energia aquática, Anciã do mar, sábia e sem idade, Pulsar da Vida. Poderes da Água! Enviem o seu fluxo! Por todo o poder do três vezes três, venham até nós! Sejam bem-vindos!
Invocação dos Senhores e Senhoras
Norte
Senhoras e Senhores do Norte, Espíritos da Terra. Iluminem nosso rito com vossa presença, dotando-o com a energia da solidez e firmeza necessárias.
Leste
Senhoras e Senhores do Leste, Espíritos do Ar. Iluminem nosso rito com vossa presença, dotando-o com a energia da inspiração e intuição necessárias.
Sul
Senhoras e Senhores do Sul, Espíritos do Fogo. Iluminem nosso rito com vossa presença, dotando-o com a energia da vontade e força de realização necessárias.
Oeste
Senhoras e Senhores do Oeste, Espíritos da Água. Iluminem nosso rito com vossa presença, dotando-o com a energia da compreensão e clareza necessárias.
Para quem, está no começo e fica nervoso ao entoar preces longas aqui está uma invocação simples.....

Pelo ar, invoco seu sopro.
Ela enche meus pulmões.
Pelo fogo,chamo seu espírito .
Ela arde em meu ser .
Pela água,invoco seu sangue.
Ela flui dentro de mim .
Pela terra,invoco seu corpo.
A minha carne ela é .
Eu e Ela juntos estamos
juntos em um !

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

xarope contra asma, bronquite, tosse

 um xarope poderosíssimo para tosse, asma, bronquite e outros problemas respiratórios.

O xarope que você vai aprender agora protege seu organismo, aumenta a imunidade e limpa as vias respiratórias.
Os dois principais ingredientes da receita são o louro e o limão.
O louro, além de tempero, é muito medicinal.
Entre muitos benefícios, ele é anti-inflamatório e atua como expectorante em casos de gripe resfriado, bronquite, tosse, asma e outras doenças que atingem o aparelho respiratório.
O outro ingrediente é o limão.
Esta fruta, você já deve saber, é maravilhosa para a saúde.
Ela é supermedicinal e tem uma qualidade especialíssima: alcaliniza o sangue, ou, de forma bem simplificada, melhora a qualidade do líquido vermelho.
O limão também combate agentes causadores de doenças, como vírus e bactérias.
E descongestiona e desintoxica o organismo.
Ele ainda é um reconhecido agente terapêutico em doenças como gripe, resfriado, rinite, sinusite e tosse.

receita do xarope:
INGREDIENTES
150 mL de água pura
6 colheres (sopa) de açúcar mascavo
1 limão
6 folhas de louro  
MODO DE PREPARO
O primeiro passo é ferver a água.
Assim que levantar fervura, coloque as folhas de louro e deixe-as cozinhando com a panela tampada por cerca de 6 minutos.
Passado esse tempo, desligue o fogo.
Espere esfriar.
Retire as folhas de louro, transfira o líquido para um frasco, coloque o açúcar mascavo e esprema um limão.
Misture tudo muito bem até o açúcar se derreter.
Tome 1 colher (chá) do xarope de 3 a 5 vezes por dia.
A dosagem pode ser aumentada se a tosse estiver muito forte.
Esta receita obtém excelentes resultados em casos de tosse seca.
E pode ser conservada na geladeira por no máximo três dias


sábado, 1 de outubro de 2016

Vassoura da Bruxa

A Vassoura da Bruxa
A Primavera é o momento ideal para se confeccionar a vassoura da Bruxa, pois a primavera é o período de limpeza e renovação.
Período de plantar, arrumar para depois colher!
A vassoura ficou vinculada à imagem das bruxas, pois, as bruxas eram as mulheres "normais", aquelas que sabiam dos segredos das ervas, confeccionavam suas vassouras com ervas e as usavam a para a limpeza, e, como na época da inquisição tudo era motivo para caçar uma bruxa, a vassoura passou a ser uma delas.
O Símbolo da vassoura é a limpeza... física e espiritual.
Bom sabendo um pouquinho mais da história e significado da Vassoura da Bruxa, vamos fazer a nossa?
Você vai precisar de um galho de árvore, que seja encontrado na natureza, não corte, pois em parques você encontrará o cabo de sua vassoura, eles pulam na nossa frente rsrs literalmente!
A parte de baixo, você poderá colocar capim cidreira, raízes, ramos de ervas, touceiras de ervas também, eu já fiz uma vassoura com capim cidreira e outra com uma touceira enorme de manjericão, e as duas ficaram lindas!
Para ligar o cado com a parte de baixo, use linhas naturais para amarrar, como cordões de algodão, lãs coloridas, usando até os significados das cores, o preto é indicado, pois é a cor de proteção, o lilás também e assim por diante.
Feito isso, sua vassoura está pronta, mas precisa do seu toque, então você pode enfeitá-la como quiser, faça desenhos no cabo, desenhos como o sol, a lua, flores, símbolos, etc, os que você mais gostar.
Pendure pingentes de proteção, flores, ervas como a canela, cole pedras, faça como sua intuição mandar.
Ah, não esqueça de no dia em que fizer a vassoura, dê seu tempo só para ela não se distraia com outra coisa, pois você estará doando sua energia para a vassoura.
Acenda um incenso e coloque uma musica isso ajuda bastante, e você irá adorar quando ela estiver pronta.
Outra dica, façam a vassoura na Lua Crescente ou cheia.


segunda-feira, 12 de setembro de 2016

origem das runas das bruxas

ORIGEM DAS Runas DOS "PICTOS " /BRUXAS .

As Runas da Bruxa foram aprimoradas pelos pictos, faziam parte das tribos da bretanha ,muitas vezes considerados rebeldes Bretoes . Ninguém sabe ao certo de onde vieram, muitos acreditavam que eles eram um povo mágico. tinham poderes sobrenaturais e falavam um idioma que nada tinha á ver com os outros da região.

A tribo dos pictos previam o futuro, lançavam feitiços, usavam magia e se comunicavam com os mortos.

se originaram se na Índia ,e difundiram diversos sistemas orientais de adivinhação por toda a Europa depois do ano de 400 d.c.

Parte desses caracteres ou hieróglifos picto compreende as Runas da Bruxa.

Essas pedras possuem todo um poder mágico pois além de procederem desse povo misterioso, e podem ser consagradas com a energia psíquica de quem vai usa-las.


Por André Marques

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

ORAÇÕES

As orações são poderosas pq são como mantras, que com a fé e com as suas repetições formam egrégoras,
Apesar de ser bruxa, gosto das Santas porque vejo nelas as diversas faces da Deusa
 Aqui alguns exemplos de orações simples e muito poderosas

Oração Milagrosa.
"Aflita se viu Virgem Maria aos pés da cruz, aflita me vejo. Valei-me mãe de Jesus. Confio em Deus com todas as minhas forças. Por isso peço que ilumine o meu caminho concedendo-me a graça que tanto desejo. Amém.
Rezar durante 3 dias; fazer 3 pedidos sendo 2 difíceis e 1
impossível. 

Oração a Santa Efigênia.
Ó gloriosa Santa Efigênia eis nos aos pés de vosso altar cheios da mais sincera confiança.
Vós que sois os amparo dos aflitos, atendei as súplicas que humildemente vos dirigimos (aqui se faz o pedido) Queremos ter uma fé viva, uma esperança firme e uma caridade ardente. 
É nosso insaciável desejo estender o reino de Cristo nas almas a fim de que ele seja o único rei de nossos corações. 
Convertei os pecadores endurecidos; salvai os que estão nas trevas do pecado; dai-nos a pureza de vida e socorrei-nos em nossas necessidades... Se for da vontade Divina dai-nos há graça que hora humildemente suplicamos.
Assim seja.

Oração a N.Sra. Desatadora de Nós.
Virgem Maria, Mãe do belo amor, Mãe que jamais deixa de vir em socorro a um filho aflito, Mãe cujas mãos não param nunca de servir seus amados filhos, pois são movidas pelo amor divino e a imensa misericórdia que existe em teu coração, volta o teu olhar compassivo sobre mim e vê o emaranhado de nós que há em minha vida. 
Tu bem conheces o meu desespero, a minha dor e o quanto estou amarrado (a) por causa desses Nós. 
Maria, Mãe que Deus encarregou de Desatar os Nós da vida dos seus filhos, confio hoje à fita da minha vida em tuas mãos. Ninguém, nem mesmo o maligno poderá tirá-la do teu precioso amparo.
Em tuas mãos não há Nó que não poderá ser desfeito. Mãe poderosa, por tua graça e teu poder intercessor junto a Teu Filho e meu Libertador, Jesus, recebe hoje em tuas mãos este Nó... (diga a Mãe qual é o Nó que esta amarrando a sua vida). 
Peço-te desatá-lo para a glória de Deus, e por todo o sempre. Vós sois a minha esperança. 
Ó Senhora minha, sois a minha única consolação dada por Deus, à fortaleza das minhas débeis forças, a riqueza das minhas misérias, a liberdade, com Cristo, das minhas cadeias. Ouve minha súplica. 
Guarda-me, guia-me, protege-me, ó seguro refúgio! "MARIA, DESATADORA DOS NÓS, RODA POR MIM” •.
"MARIA, NOSSA MÃE, DESATA OS NÓS QUE IMPEDEM DE NOS UNIRMOS A DEUS”.

Oração a Santa Edwiges
Ó Santa Edwiges, vós que na terra fostes o amparo dos pobres, a ajuda dos desvalidos e o Socorro dos Endividados, e no Céu agora desfrutais do eterno prêmio da caridade que em vida praticastes, suplicante te peço que sejais a minha advogada, para que eu obtenha de Deus o auxílio de que urgentemente preciso: (fazer o pedido). Alcançai-me também a suprema graça da salvação eterna.
Santa Edwiges, rogai por nós. Amém.
Rezar 1 Pai Nosso, 1 Ave Maria e fazer o Sinal da Cruz.
Oração para purificar o ambiente
Muito Obrigado Deus, por este local sagrado de trabalho. Deus ilumine, oriente e proteja a todos aqueles que aqui entrem.
Muito Obrigado Deus, pela sua segurança a cada centímetro da área desta empresa ou casa abençoada. Deus se manifesta purificando em definitivo.
Muito Obrigado Deus. Aqueles que vierem com maus pensamentos ao cruzarem esta porta abençoada, que Deus Pai Todo Poderoso purifique suas mentes tornando-os nossos melhores amigos.
Muito Obrigada Deus. Zele e proteja este local sagrado de trabalho, fazendo que os meus colegas, parentes, amigos, fornecedores e clientes, tenham satisfação de estar conosco e partilhar nossa amizade.
Muito Obrigado. Amém!


domingo, 10 de julho de 2016

espelho mágico

Espelho Mágico
Esta é uma antiga prática irlandesa muito utilizada pelos camponeses. Pegue um espelho e unte-o com uma mistura de sal e limão. Aguarde uma noite de Lua Crescente e "aprisione-a" no espelho (refletindo nele sua imagem). Seu espelho estará magnetizado, sempre que quiser peça para que a Luz, que agora mora dentro dele, ilumine seus caminhos.

quinta-feira, 7 de julho de 2016

unção das velas

Unção das Velas
Ao chegarem até nós, as velas já foram manuseadas por outras pessoas e impregnadas com as suas impressões psíquicas. A unção com azeite ou óleos aromáticos, relacionados ao nosso desejo, é uma forma simples de anular quaisquer energias que as velas tenham adquirido antes de serem utilizadas por nós. Por isso, utilize:
Para rituais de amor: óleos de rosa, vetiver, patchuli, canela, sândalo, manjericão.
Para rituais de prosperidade: óleos de cravo, louro, olíbano, cedro, carvalho, canela, girassol.
Para rituais de saúde: óleos de alecrim, jasmim, lótus, lavanda, sálvia.
Para rituais de proteção: óleos de cedro, sálvia, verbena, artemísia, anis.

Deve- se pegar a vela pelo pavio, untar o dedo  indicador e o polegar no óleo escolhido e passar os dedos na vela do pavio para baixo mentalizando o seu desejo

segunda-feira, 6 de junho de 2016

biscoito de leite condensado

Biscoitinho de leite condensado com apenas três 

.
ingredientes:
.500g de maizena
.1 lata de leite condensado
.200g de margarina sem sal

.
Modo de fazer:
É só misturar tudo e assar em forno médio por 30min(depende do seu forno). A massa é bem lisinha e fácil de manusear...rende aproximadamente 100 biscoitos. 

Fica muiiiitoooo bommm!!!!!

quinta-feira, 26 de maio de 2016

o que é ser pagão?

Pagão:
É um termo preconceituoso que a Igreja criou para falar de todos os romanos que ainda permaneciam fiéis à antiga religião. Como estes romanos eram do campo, receberam o nome de pagãos, pois esta palavra significa "habitante do campo". 

Esse termo , pagão, não nos ofende de forma alguma e nós mesmos nos denominamos assim.

Incluem-se neste conceito as religiões do antigo Egito, do mundo greco-romano da Antiguidade Clássica, a antiga religião dos celtas (Druidismo), a religião Norse ou mitologia nórdica, Mitraísmo, bem como as religiões das populações Nativo-americanos e Africanos como a religião Asteca, Indígena (xamanismo) e afro-brasileiras (como Umbanda, candomblé e etc.)

Há quem diga que a Umbanda não é Pagã, pois acredita em Jesus cristo, e portanto é Cristã, mas, para os Cristãos, acreditar em jesus ou louvá-lo, não é o suficiente, tem que seguir a Bíblia, e na mesma, qualquer tipo de contato com espíritos, que não seja o espirito santo, é inaceitável e considerado Bruxaria.

Dos pontos comuns a todas as sociedades da Cultura Pagã, surgem as características das religiões pagãs, ou seja, dos esquemas que dão forma e concretude à espiritualidade pagã. Talvez possamos listar, com pouca margem de erros, as seguintes:

Talvez a principal característica da religiosidade pagã seja a radical imanência divina, ou seja, a divindade se encontra na própria Natureza (o que inclui os humanos), manifestando-se através dos seus fenômenos.

A ausência da noção de pecado, inferno e mal absoluto. Como a relação com os deuses é sempre pessoal e directa, a ideia de uma afronta à divindade é tratada também pessoalmente, ou seja, entre o cidadão e a Divindade ofendida. Assim, sem noção de pecado, também não há noção de santidade ou do profano.

A sacralidade da Terra também levou à ausência de templos, o que, no entanto, não impede a noção de Sítios Sagrados, em geral bosques, poços ou montanhas. Templos Pagãos são um  desenvolvimento muito posterior

A imanência dos deuses e a ideologia da ancestralidade divina, confere à divindade características antropomórficas e as relações tendem a ser estreitadas ao longo da vivência religiosa.

O calendário religioso se confunde com o calendário sazonal e agrícola, o que lhe confere um carácter de fertilidade. Portanto, as festividades acontecem nos momentos de mudança e auge de ciclos naturais.

Essas relações pessoais humanos/deuses, leva à ausência de dogmatismos ou estruturas religiosas padronizadas, havendo, pois, uma grande liberdade de culto: cada cidadão tem liberdade de cultuar dos Deuses em sua casa, da forma que desejarem.

Basicamente, é uma religiosidade doméstica ou de pequenos grupos com laços de sangue ou de compromisso. No entanto, os Grandes

Festivais são sempre rituais comunitários, pois comprometem todos os membros da comunidade.

A imanência dos deuses e a ideologia da ancestralidade divina, confere à divindade características antropomórficas e as relações tendem a ser estreitadas ao longo da vivência religiosa.

O calendário religioso se confunde com o calendário sazonal e agrícola, o que lhe confere um carácter de fertilidade. Portanto, as festividades acontecem nos momentos de mudança e auge de ciclos naturais.

Essas relações pessoais humanos/deuses, leva à ausência de dogmatismos ou estruturas religiosas padronizadas, havendo, pois, uma grande liberdade de culto: cada cidadão tem liberdade de cultuar dos Deuses em sua casa, da forma que desejarem

Basicamente, é uma religiosidade doméstica ou de pequenos grupos com laços de sangue ou de compromisso. No entanto, os Grandes

Festivais são sempre rituais comunitários, pois comprometem todos os membros da comunidade.

A relação mágica com a Natureza obviamente se traduz numa
religiosidade mágica, isto é, a espiritualidade pode ser atingida pela manipulação da carne e dos elementos, através do corpo e da manipulação da natureza, os chamados "feitiços".

A divindade sendo representada no mundo terreno torna as religiões pagãs em religiões de menor conflito interior, ou seja, que não pregam a necessidade de se dominar ou conter impulsos ou pulsões naturais, mas deixá-las fluir livremente, sem culpa. Por isso, também são religiões intuitivas, corporais e emocionais. Em geral, os pagãos valorizam mais a vivência da religiosidade pelo corpo, com ausência da noção metafísica platônico-socrática e judaico-cristã de corpo x espírito.

O respeito aos ancestrais e o tradicionalismo que isso implica, faz das religiões pagãs uma experiência de continuidade do egrégor ancestral, ou seja, a repetição dos mesmos ritos, na mesma época, cria a união mística com todos aqueles que já celebraram antes.

Nesse momento, o tempo é rompido e se estabelece uma relação mágica com ele também: a repetição do rito torna presente o momento primitivo da sua realização e todos aqueles que, ao longo dos séculos, dele tenham participado.

A perspectiva cíclica do tempo dá a certeza do eterno retorno.

Embora alguns povos tenham desenvolvido a ideia de um "Outro Mundo", a vida pós-morte nunca foi um ideal Pagão, pois isso significaria ficar fora do ciclo e, portanto, da comunidade. Assim, o "Outro Mundo" (para aqueles que desenvolveram essa ideia) será apenas uma passagem entre uma vida e o renascimento. O encontro com a Deidade se dá sempre na comunhão com a Natureza, e não no Outro Mundo.

Obviamente, diferentes povos da Cultura Pagã desenvolveram suas liturgias e costumes religiosos típicos, locais e ancestrais, o que pode aparecer como diferenças entre religiões. No entanto, essas características básicas permanecem, pois são típicas do Paganismo.

Mago Dam

o que é ser um mago ou bruxa?

Ser Mago ou Bruxa não é adorar ao Diabo ou não gostar de Jesus.
Ser Mago ou Bruxa é adorar a Natureza, o Belo, os Animais, o ser Humano.
Não é fazer truques de mágica, acender velas com o olhar, nem andar vendo gnomos nos jardins, é fazer você mudar seus sentimentos, antes tristes e magoados, por pensamentos positivos e alegres, é conseguir fazer você mudar suas atitudes, antes mesquinhas e egoístas, por atitudes amplas e humanitárias.
Não é só acender a fogueira e dançar nu em volta da mesma, é acender a fogueira, dançar nu e queimar todos os rótulos e mágoas, e mostrar que quando estamos nus somos todos de carne e osso, sem marcas ou números que nos identifiquem ou que façam nos divergir.
Ser Mago ou Bruxa não é estar vivendo acima de um planeta cheio de desgraça, desrespeito e de degradação, é saber que somos este planeta e que sofremos juntos com ele em cada ação negativa, é querer mudar, é querer transmutar esta atitude negativa em uma atitude consciente, é fazer você enxergar o que antes estava nublado e as vezes escondido no escuro mundo do consumismo desenfreado, onde as pessoas não veem as pessoas como irmãos, mas como concorrentes, e que acham que a natureza esta aqui como produto e não como um ser vivente.
Ser Mago ou Bruxa, não significa julgar as outras religiões, mas abraçar as filosofias que querem o bem da humanidade e do planeta, é agregar, é somar.
Não temos um Deus, temos todos os Deuses e Deusas, que vibram em todas as direções e em todos os povos, temos a energia cósmica, os elementais, os animais de poder, os anjos, os guardiões, o karma, o dharma, as ervas, os banhos, as poções, as mentalizações, os estudos, as intuições...
Não é fácil ser um Mago ou uma Bruxa, ser julgado e desrespeitado sem ao menos saberem quem somos, ou o que fazemos... nos rotulam como adores do diabo, como ignorantes da bíblia, como ateus ou até mesmo como loucos e/ou alienados da realidade.
Agora se vou para o inferno como alguns dizem pois não sigo a religião deles, me desculpem... o Bom de ser Mago ou Bruxa, é que na nossa religião, não existe INFERNO!
Estudem e compreendam antes de julgar!

sábado, 7 de maio de 2016

Dicas de Aromas de Incensos dos Signos do Zodíaco

Encher o ar com um perfume delicioso associado ao seu signo de nascimento contribui ao seu equilíbrio emocional.
Cada fragrância influencia um signo astrológico de forma peculiar, criando uma atmosfera espiritual diferente para a natureza de cada indivíduo.
Deixe sua vida bem melhor com o auxílio dos aromas dos incensos que proporcionam boas energias.
Áries:
Aromas de jasmim e lírio farão sua força de vontade prevalecer à inquietação.
Touro:
Cardamomo e canela deixarão seu astral elevado e cheio de prosperidade. Quanto mais usar, melhor.
Gêmeos:
Mirra vai afastar as energias negativas do geminiano. Jasmim esquentará o clima no amor, quando estiver muito calmo.
Câncer:
Anis estrelado e lírio ajudarão você a se conectar com as melhores energias astrais. E vão te dar mais ânimo para sair de casa.
Leão:
Alfazema vai lhe dar proteção. Rosas brancas ajudarão a manter uma boa ligação com o plano espiritual.
Virgem:
Aloe Vera estimulará sua concentração. Incensos de hortelã manterão suas energias positivas e equilibradas.
Libra:
O lírio atrairá proteção e paz. O violeta ajudará a manter conexão com o plano espiritual. Ambos vão equilibrar as energias.
Escorpião:
Acenda sempre que puder, incensos de lírio dourado para afastar o mal, e de tangerina para ter mais ânimo e disposição no dia a dia.
Sagitário:
O alecrim lhe dará força espiritual, proteção e paz. Incensos de rosas vermelhas atraem amor e animam ambientes românticos.
Capricórnio:
Acenda muito incenso de arruda para a purificação do seu lar. Erva doce atrairá mais calma nos momentos de agitação.
Aquário:
O bergamota é bastante energizante para os aquarianos. Flor de laranjeira trará paz e boas opções de conquistas.
Peixes:
A flor de laranjeira e rosas amarelas trarão a chance de abraçar novas oportunidades, trazendo ânimo para novos projetos.

terça-feira, 3 de maio de 2016

oração a Grande Mãe

"ORAÇÃO À GRANDE MÃE"
"Eu sou a Deusa,
Eu sou aquela que ilumina e protege
O poder da Grande Mãe está dentro de mim.
Que a Grande Mãe
A Senhora do Norte
Encha de frutos a árvore da minha vida.
Grande Deusa que habita dentro de mim
Santifica cada palavra minha e cada ato meu
Afasta cada sombra de minha vida
Ilumina todas as minhas estações
Torna-me forte na dor
Torna-me bela no amor.
Que teu nome e teu poder
Sejam o meu nome e o meu poder.
Assim sempre foi, assim sempre será."

sábado, 16 de abril de 2016

história dos incensos

incenso é de importância vital nos rituais e deve, portanto, ser usado corretamente, é encontrado nas cerimônias e rituais cristãos, pagãos, hindus,  budistas e até mesmo para perfumar e limpar energias negativas dos ambientes.
Muitas coisas são empregadas na composição do incenso: gomas, resinas, madeiras e suas cascas, óleos e até drogas alucinógenas.
Para muitos, acender um incenso é um ritual sagrado. Segundo o Padma Purana, texto que faz parte dos Vedas da Índia milenar, o incenso deve ser usado sempre que se desejar preparar o ambiente para meditação, yoga e para obter proteção espiritual.

EGÍPCIOS
Os egípcios eram muito experientes na manufatura e uso de incensos e conduziam a composição dos mesmos com verdadeira arte. Muitas de suas idéias relativas ao incenso eram compartilhadas por outros povos e outras crenças. Os ingredientes eram misturados num ritual secreto, acompanhado pela entoação de textos sagrados. Tinha o misterioso significado da harmonia e da ordem.

HINDUS
Existem relatos de que fora importado da Arábia, mas muitas espécies nativas de materiais aromáticos já eram usadas.
Existem outro relatos de que o incenso foi criado na Índia cerca de 6000 anos a.C.
A pessoas imaginavam que a fumaça do incenso criava uma ligação física entre os homens e os deuses.

JUDEUS
Repetidas referências ao incenso no Velho Testamento indicam que seu uso é muito antigo entre os judeus. De fato, na Versão Autorizada, usa-se frequentemente a palavra para se referir à queima de oferendas e os antigos hebreus podiam ter encarado o uso do incenso, bastante popular entre os babilônios, como simples pompa de idolatria. Também foi assim encarado pela antiga igreja cristã, que associava ao paganismo.
Geralmente os pesquisadores concordam agora que a queima de incenso só foi introduzida no ritual judaico por volta do século VII a.C. Contudo, uma vez adotado, tornou-se cada vez mais importante nos atos de adoração.

GREGOS
Parece que o incenso, no sentido de gomas e resinas como as conhecemos, só foi usado pelos gregos após o período homérico.
Como os outros povos, os gregos achavam que um aroma agradável e doce dava prazer aos deuses. Antes do século VIII a.C. o incenso como tal não era empregado pelos gregos, talvez tenha sido introduzido através do culto de Afrodite e que é certo que tradicionalmente, tenha sido trazido da Fenícia, através de Chipre, onde foi empregado em tal culto. Era oferecido juntamente com frutas, doces, trigo, etc., ou sozinho como oferenda isolada, tanto no culto aos deuses ou em rituais domésticos.

BUDISMO
Como aconteceu com muitas religiões em seu estágio inicial, o uso do incenso era desconhecido no antigo budismo. Contudo, com o passar do tempo. O budismo também sucumbiu a ele, especialmente o budismo setentrional, onde seu uso se tornou generalizado.
No Ceilão, perfumes e flores são colocados diante da imagem de Buda, embora ocorra do Tibet, seu maior emprego, uma vez que é utilizado nas cerimônias de iniciação de monges e constitui parte dos rituais diários dos mosteiros.

ROMANOS
Na religião romana, uma das partes mais importantes do libamina (oferenda sem sangue) era o tus, que significa tanto incenso como olíbano. Nenhum ritual poderia ser considerado completo sem ele.
O incenso também era oferecido isoladamente, privada ou publicamente, e era oferecido aos lares familiares, ou deuses domésticos. Podia ser queimado em altares maiores, braseiros ou em pequenos altares portáteis chamados foci turibulum.

CRISTIANISMO
O cristianismo demorou muito a adotar o incenso em seus ritos. Os serviços da antiga igreja eram muito simples e o incenso (salvo como purificador) era evitado como algo judaico ou pagão.
Muitas autoridades eclesiáticas alegaram que a razão para a omissão do incenso era que não foi empregado pela Igreja pelo menos até 300 anos após os tempos de Apostolado.
Como ocorreu com muitas outras coisas, o fato de ser seu uso judaico parece ter levado os primeiros cristãos a negligenciá-lo, pois suas associações com o paganismo e a prática comum de renunciar a fé, oferecendo alguns grãos de incenso aos deuses ou sobre o altar do  imperador, provavelmente constituiu forte intimidação.